July 13, 2007

CFD: Colour Fluid Dynamic

CFD também conhecido, de forma pejorativa, como "Colour Fluid Dynamic", (Fluidodinâmica Colorida, em tradução livre). A essência da origem dessa palavra está na beleza que os resultados podem adquirir na apresentação. As cores, as formas tridimensionais, aquele monte de informação em uma única figura conseguem produzir excelentes wallpapers e impressiona.

A não muito tempo (e ainda se vê isso hoje) quando se fala em ver apresentações de CFD, fala-se em ver figuras bonitas, fala-se em em belos contrastes e, em alguns casos, vídeos interessantes.

No começo, todo esse efeito colorido produzia belíssimos argumentos para o administradores/engenheiros mal informados ou inexperientes. E é aí que entra a história do "Colour Fluid Dynamic".

Imagine que se você chega uma determinada empresa, faz uma belíssima e coloridíssima apresentação, impressiona todos que pagam as contas e na hora de fazer acontecer ... você usa as mesmas técnicas de 1930 para fazer cálculos de equipamentos, porque descobre (ou já sabia) que todas aquelas cores não serviam para nada. Era apenas cor. Teria tido o mesmo efeito se tivesse sido feita no Gimp ou Photoshop. Bom, naquele tempo não existia nem uma coisa nem outra. Estamos falando do início do CFD. Daquela época obscura quando o CFD era visto com desconfiança até mesmo por quem o estava desenvolvendo. A falta de informação era um dos principais obstáculos do desenvolvimento e, principalmente, da aplicação do CFD na indústria.

Muita informação, propaganda de conscientização (as vezes não muito clara, mas vai lá ...) e muito estudo foi feito desde que os primeiros códigos CFD foram desenvolvidos. De lá pra cá a aplicação do CFD na indústria só não quadruplicou, porque antes era nula..., É bem verdade que ainda existe muita falta de informação, mas vamos ... já tem até um blog falando sobre esse assunto !!!

Abaixo segue um belo exemplo de resultado CFD ...

... que obedece a máxima do "Colour Fluid Dynamic". É lindo, não acha ? Deu um trabalho daqueles para fazer ... Está pensando o quê ? Que é fácil fazer wallpapers usando física e matemática ? Está certo que para fazer essa figura eu apenas gastei 1 minuto de simulação, mas gastei também uma cara licença de um software CFD (existem softwares opensource de CFD, mas não foi o caso aqui ...) e mais de 1 hora para fazer produzir uma combinação de cores bonita. A culpa, nesse caso, não é do software. É exclusivamente minha. Eu fiz isso intencionalmente. Eu coloquei um caso mal formulado e ainda tirei o resultado do "forno" muito antes dele ficar pronto (bom, como ele está mal formulado eu poderia deixar meses que iria continuar ruim).

Agora, me diga com sinceridade. Como você saberia que essa figura não era apenas cores bonitas se eu não tivesse dito ? Eu disse alguma coisa sobre o caso ? Eu não disse o que as cores deveriam representar ! Eu sequer disse se tem uma ou mais de uma variáveis sendo apresentada ! Enfim, não há qualquer informação sobre o que é e como foi feito essa simulação, com excessão da sua forma geométrica. A partir dos meus próximos tópicos eu devo abordar a questão da análise e apresentação dos resultados. Buscando a resposta da seguinte pergunta: Quais são as informações são necessárias para que o ouvinte (seja ele um leigo ou um expert em CFD) possa ter condições de formular uma opinião crítica fundamentada sobre um resultado CFD apresentado?

O CFD é uma ferramenta, como um bisturi. Nas mãos de quem sabe usar pode salvar vidas, em outras, é apenas uma faca, que no máximo tira um bela bisteca (e como ela pode ser bela !). Mas o verdadeiro problema é quando o bisturi fica nas mãos de alguém que pensa que sabe usar.

4 comments:

  1. Interessante como um tema científico (e/ou de divulgação científica) pode produzir o mesmo prazer de uma ótima cr6onica!

    Belíssimo texto! E cheio de "visões de mundo" sobre o que ciência, técnica e tecnologia!


    []'s

    ReplyDelete
  2. Como se trata de um assunto muito específico, a gente fica se perguntando se está conseguindo atingir o nosso objetivo ou se estamos viajando demais no tópico. Seu comentário é um agradável retorno positivo da nossa idéia para este blog.

    Um abraço.

    ReplyDelete
  3. This comment has been removed by a blog administrator.

    ReplyDelete
  4. Muito bom os seus textos. Tenho muita dúvida ainda no "Para que estou usando isso?" Ou " Porque estou fazendo simulações se posso usar termodinâmica para fazer os cálculos de rendimento " Visão leeeiga! Mas sugestão de tópico ;)
    Eu triturando o blog e matando meus questionamentos!

    ReplyDelete